sexta-feira, setembro 30, 2005 

Os anjos

És o anjo
tu
das minhas asas

sobre os seios...

Maria Teresa Horta

Posted by Clitie at 21:44 2 comments

 

Thailand 2005 Beach Soccer

Kevin Thom

Posted by Galadriel at 14:05 1 comments

 

Furacão Katrina

Posted by Galadriel at 13:58 3 comments

 

Já faltou mais ...

Posted by Galadriel at 13:56 3 comments

 

Desesperado

Posted by Galadriel at 09:07 3 comments

 

Que o sol
resplandeça em mim
todos os dias que passares a meu lado
Que possa eu
velar o teu descanso
quando chegas de mais um dia de batalha.

Tenha eu força
para estar contigo,
em qualquer momento
sem questionar porquês.

Alcancemo-nos um ao outro com um olhar,
apenas,
possa haver a dignidade da não ocultação,
a honestidade absoluta,
o sim da verdade pura.

Que não haja nunca,
entre nós, algo impossível de transpor.
Que se quede, aqui,
a harmonia em versão concentrada,
fazendo de nós
Um só.

(13/09/05)

Posted by Clitie at 08:44 0 comments

quinta-feira, setembro 29, 2005 

O meu !

Your Brain's Pattern
Your mind is a firestorm - full of intensity and drama.
Your thoughts may seem scattered to you most of the time...
But they often seem strong and passionate to those around you.
You are a natural influencer. The thoughts you share are very powerful and persuading.

Posted by Galadriel at 15:12 5 comments

 

Será que é verdade?...

You have a dreamy mind, full of fancy and fantasy.You have the ability to stay forever entertained with your thoughts.People may say you're hard to read, but that's because you're so internally focused.But when you do share what you're thinking, people are impressed with your imagination.

What Pattern Is Your Brain?
http://www.blogthings.com/whatpatternisyourbrainquiz/

Posted by Clitie at 14:27 2 comments

 

Escaldante

"Deixo-o pressionar o seu corpo contra o meu.
Já o conhecia de há longo tempo, tinha estado muitos anos com ele a ver
a lua desaparecer e nascer de novo. Os seus lábios cheios e húmidos onde
cresciam palmeiras e as camponesas vinham saciar-se. Na longa noite que
se seguiu as estrelas giraram e a voz dele cantou vinda da boca de um
riacho pouco profundo."

Ana Menéndez - Por amor a Che

Posted by Galadriel at 14:24 2 comments

 

Strip tease

Jamais eu ficaria quieto
sob o teu olhar;

que muito menos quietos,
no direito de ir e vir,
sobre o teu corpo,
seriam os meus olhos lívidos.

Porque sobre mim,
bastam os sons
dos teus vestidos:
já me desvestem a alma.


Soares Feitosa

Posted by Clitie at 13:04 0 comments

 

O teu aroma

Deixa-me olhar-te agora

para que possa,

quando estiveres longe

sentir o teu aroma.

24/09/05

Posted by Clitie at 09:15 0 comments

 

Inocencia, perdida?

Posted by Clitie at 08:17 2 comments

quarta-feira, setembro 28, 2005 

Escolhas

Posted by Galadriel at 16:16 5 comments

 

Meditando

Há sempre coisas
que ficam por dizer
embora a nós,
baste um olhar
para o entendimento.
(19/09/05)

Posted by Clitie at 08:19 4 comments

terça-feira, setembro 27, 2005 

Momentos

Posted by Galadriel at 14:07 2 comments

 

Maria do Rosário Pedreira

Mãe, eu quero ir-me embora – a vida não é nada
daquilo que disseste quando os meus seios começaram
a crescer. O amor foi tão parco, a solidão tão grande,
murcharam tão depressa as rosas que me deram –
se é que me deram flores, já não tenho a certeza, mas tu
deves lembrar-te porque disseste que isso ia acontecer.


Mãe, eu quero ir-me embora – os meus sonhos estão
cheios de pedras e de terra; e, quando fecho os olhos,
só vejo uns olhos parados no meu rosto e nada mais
que a escuridão por cima. Ainda por cima, matei todos
os sonhos que tiveste para mim – tenho a casa vazia,
deitei-me com mais homens do que aqueles que amei
e o que amei de verdade nunca acordou comigo.


Mãe, eu quero ir-me embora – nenhum sorriso abre
caminho no meu rosto e os beijos azedam na minha boca.
Tu sabes que não gosto de deixar-te sozinha, mas desta vez
não chames pelo meu nome, não me peças que fique –
as lágrimas impedem-me de caminhar e eu tenho de ir-me
embora, tu sabes, a tinta com que escrevo é o sangue
de uma ferida que se foi encostando ao meu peito como
uma cama se afeiçoa a um corpo que vai vendo crescer.


Mãe, eu vou-me embora – esperei a vida inteira por quem
nunca me amou e perdi tudo, até o medo de morrer. A esta
hora as ruas estão desertas e as janelas convidam à viagem.
Para ficar, bastava-me uma voz que me chamasse, mas
essa voz, tu sabes, não é a tua – a última canção sobre
o meu corpo já foi há muito tempo e desde então os dias
foram sempre tão compridos, e o amor tão parco, e a solidão
tão grande, e as rosas que disseste um dia que chegariam
virão já amanhã, mas desta vez, tu sabes, não as verei murchar.

Posted by Clitie at 10:18 5 comments

 

Bom dia

Posted by Galadriel at 08:32 1 comments

segunda-feira, setembro 26, 2005 

Venice Beach


O "calçadão" da famosa Venice Beach... famosa por ter várias "barracas" ondem fazem tatuagens e piercings.
Até tinham/tem cadeiras de observação no meio da rua...

Posted by Galadriel at 17:39 1 comments

 

Diferente ou igual ?

Posted by Galadriel at 13:32 2 comments

 

Contagem...


... decrescente para os 2.000 visitantes.
Há doces para todos.

Posted by Clitie at 11:46 3 comments

 

Uma boa semana

Uma semana muito florida e cheia de boa disposição.

Posted by Clitie at 11:37 1 comments

domingo, setembro 25, 2005 

A entrega


Será normal um sentimento assim?
Cada canto desta casa
cheira ao teu perfume!
E eu sufoco.

Vivo para a certeza do teu amor,
porque dizes que me amas
e eu...
acredito sempre em ti
nas verdades que me transmites
porque quando me faltares,
quebrar-se-á o meu ser
feito refém
deste prazer que é sentir-te
em cada esquina que percorro.

Satisfazes-me a alma,
com a simplicidade com que me olhas
pedindo-me que me entregue,
já não há necessidade de palavras,
o meu corpo diz-te
como te quero
de cada vez que me dou.

(23/09/05)

Posted by Clitie at 12:37 6 comments

 

A carta no caminho

Quando te disserem, meu amor,
que te esqueci, e mesmo quando
for eu a dizer-to,
quando eu to disser,
não acredites.

Pablo Neruda

Posted by Clitie at 12:02 2 comments

sábado, setembro 24, 2005 

Quem se lembra de Jovanotti?

"Quando sarai lontana"

Vorrei che tu avessi un nuovo ragazzo
vorrei che ti trattasse bene
che ti facesse sentire importante
e che ti bolle il sangue nelle vene
e che ti aspetterà sotto il portone
per fare un giro, magari a cena
mi piacebbe che tu toccassi il cielo
quando di notte ti bacia la schiena
che ti parlasse dei suoi problemi
e che non li tenesse tutti per sé
come me
vorrei vedervi magari sposati
e che lui stesse sempre con te
che non ti facesse incazzare mai
che non dimentichi i compleanni
che sia simpatico ai tuoi genitori
e che li faccia diventare nonni
ma quando un giorno sarai lontana
e vedrai il cielo quando si colora
pensami almeno per um momento
pensami almeno per mezz'ora

vorrei sapere come ti va, eh?
ora che non stiamo più insieme
che mi hanno detto che hai sofferto un po'
che però ora stai bene
certo, all'inizio tutto era pazzesco
non smettevamo mai di stare a letto
di combinarnme di porcherie
e guarda ora, chi l'avrebbe detto
esco di casa alle tre di notte
con quattro amici ce ne andiamo a caccia
per rimediare un amore facile
che il giorno dopo non ricordo la faccia
ma quando un giorno sarai lontana
e vedrai il cielo quando si colora
pensami almeno per un momento
pensami almeno per mezz'ora
e quando son qui
dentro il mio letto vuoto
vorrei dormire e non é facile
quando no sai se sia possibili
innamorarsi e non lasciarsi mai
(...)

Posted by Clitie at 14:23 1 comments

 

Para todos um bom fim de semana

São os meus desejos.




Posted by Clitie at 12:56 2 comments

 

Confissão


O que te amo é tão forte, que com o passar do tempo me vou tornando egoísta, querendo-te só meu a cada instante.
Quando não vens desespero, aterradoramente com a tua ausência.
É assim que concluo que te amo mais do que consigo imaginar e que a ideia do teu afastamento me dilacera o coração.
Passo a ter a alma dividida entre a consciência do que é certo e o não pensar no sentimento que te dedico.

(1/09/05)

Posted by Clitie at 09:24 0 comments

sexta-feira, setembro 23, 2005 

Esperança



Tal como as flores, que brotam de solo estéril, também o amor pode florescer num coração sem esperança.

Posted by Clitie at 19:09 4 comments

 

Para um amigo especial

Obrigada pelo apoio.
Beijocas

Posted by Galadriel at 14:18 4 comments

 

As mãos crispadas sob...

As mãos crispadas sob a manta escura...
«Porque estás hoje tão pálida?»
- Porque fiz com que o meu amor,
partisse cheio de amargura.

Nunca esquecerei. Saíu a cambalear,
a boca crispada, desolado...
Desci as escadas a correr,
até o conseguir apanhar.

Ofegante, gritei. «Era tudo a brincar,
não me deixes ou morro de dor.»
Ele sorriu calma e terrivelmente,
e disse : «Porque não sais da chuva, meu amor?»

Anna Akhmátova

Posted by Clitie at 13:27 1 comments

 

Para alguém especial


Dizem que é uma sensação boa ...

Posted by Galadriel at 11:30 0 comments

 

Dias a preto e branco


Há dias assim, sem cores, sem vontades.
Há dias para voar solitários.
Há dias em que só o teu olhar já me diz tudo.
Há dias que não encontro palavras para dizer o que quero.
Há dias... Há dias em que os dias são demais.

Posted by Clitie at 10:53 0 comments

 

Por vezes
fazes demasiadas perguntas,
não te contentas
com os gestos
com os olhares,
que falam por mim
que te mostram quem sou.

Há dias
em que chegas demasiado sério
que se abre uma porta
de dúvidas e medos
que vou tentando enfrentar.

Por vezes
acho-te frágil e inseguro
cheio de sonhos
que tens medo de realizar.

Há dias
em que o mais difícil
é a compreensão
porque o Amor
está sempre cá.

(22/09/05)

Posted by Clitie at 03:24 1 comments

 

Um blog

Todos diferentes com um gosto semelhante
escrever
O blog do poeta anónimo.

Posted by Clitie at 02:56 3 comments

 

Por amor a Che

" Ele esfrega as minhas mãos até ficarem limpas e vermelhas e depois puxa-me para ele e abraça-me num longo silêncio. Afastamo-nos e ele beija-me, abrindo novas paisagens com a língua. De olhos fechados, viajo através de um túnel verde, rolando para fora do campo aberto. As persianas estão corridas, o ar está quente e húmido. Ele beija-me de novo e deixa a mão deslizar pelas minhas costas abaixo"

Ana Menéndez


Posted by Clitie at 02:46 2 comments

quinta-feira, setembro 22, 2005 

Outono

Posted by Galadriel at 14:50 5 comments

 

Chuva de estrelas !!

Avenida das estrelas ...

Posted by Galadriel at 10:07 4 comments

 

Aventuras na califórnia - segunda parte

Set do filme Jurassic Park...

Posted by Galadriel at 02:37 3 comments

 

Brincar com as palavras

Sinto o teu sabor
adocicado
sabor a canela
como um doce de rua
pelo qual protestam as crianças.

Teu gosto a morango
como um rebuçado de fruta.
O gosto de um bombom
roubado na loja
que nos sabe a perigo.

Como um gelado
de caramelo
que se cola a mim
numa noite de verão.

Imagino-te assim
servido, em bandeja de prata.

Posted by Clitie at 00:32 4 comments

quarta-feira, setembro 21, 2005 

Fim do Verão

:(

Posted by Galadriel at 12:24 3 comments

 

Campo em flor

Posted by Clitie at 11:08 3 comments

 

Anjo

Um anjo de esplendor caíu sobre mim...

Posted by Clitie at 10:16 3 comments

 

Aventuras na Califórnia


Bons dias e Benvindos à nova cara do Vida.
Meus amigos,
Os meus próximos posts serão dedicados às minhas magnificas férias... Irei partilhar convosco algumas fotografias.
A foto de hoje é do jardim do Getty Museum. É lindo. O engraçado é que, pelo o menos no estado da Califórnia, não se paga a entrada para os museus. O que é pago é o estacionamento (cerca de 10 dlrs).

Posted by Galadriel at 10:08 4 comments

 

Repara

Se digo o que sinto
vou chocar os outros
ao confessar os meus desejos,
ao contar os meus sonhos,
ao dizer que te quero.

Se grito bem alto
o que penso...
e te embaraço com palavras
é porque não me posso dar
sempre,
quando andamos pelas ruas.

Se mostro tudo
o que o meu corpo guarda
torno-me assustadoramente imprudente
esqueço todas as regras
e comportamentos sensatos
querendo-te sempre em qualquer lugar.

Querendo-te assim
peço ao mundo que cerre os olhos
para que te possa amar
lentamente, sem pressas,
na presença de todos.

(19/09/05)

Posted by Clitie at 02:19 5 comments

 

Mudança

Apesar da mudança prometemos continuar com as bonitas imagens e textos a condizer.
Obrigado a todos que nos têm acompanhado até aqui.

Posted by Clitie at 00:43 5 comments

terça-feira, setembro 20, 2005 

Um sonho que começa de novo.

Posted by Clitie at 01:55 6 comments

Outros blogues